NOTÍCIAS

SEMASA instala novo sistema de aeração na ETE Cidade Nova em Itajaí/SC

Para aumentar a eficiência da Estação de Tratamento de Esgoto Cidade Nova em Itajaí/SC, a SEMASA observou que seria necessário promover um ambiente oxigenado, homogêneo e mais propício à vida de bactérias aeróbias

ete cidade nova

Os microrganismos aeróbios obtêm energia por meio de reações químicas com o oxigênio (O2). Dessa forma, as bactérias se multiplicam e atuam na decomposição da matéria orgânica.

SISTEMA DE AERAÇÃO

Para a geração e injeção de ar nas estações aeróbias, o suprimento de oxigênio passa a ser, de longe, o maior item de consumo de energia (50 a 90% do consumo total), obrigando a busca por sistemas de aerações eficientes e mais econômicos.

Sendo assim, foi necessário o desenvolvimento de sistemas de aeração por ar difuso, que podem alcançar uma economia de até 50% em relação às outras tecnologias.

A SIGMA Tratamento de Águas foi contratada para desenvolver um sistema de aeração por ar difuso, tipo bolhas finas, sendo um dos sistemas mais modernos e eficientes para o fornecimento de oxigênio nos processos de tratamento de esgoto.

O sistema de ar difuso possibilita uma grande variedade de arranjos e aplicações se comparado aos sistemas convencionais por aeração mecânica. Este por sua vez, pode ser de superfície, mecânico ou submerso, agita o efluente para introduzir ar da atmosfera com pás, lâminas, brochas e sistemas propelentes diversos. No caso do ar difuso, é injetado o ar na base do sistema, o qual apresenta uma série de benefícios.

aerador tubular

 

EXECUÇÃO

Tubulação primária: feita em aço inox, recebe o ar e o distribui até as membranas através de niples soldados para a sua fixação.

Membranas: difusor tubular de bolha fina com tecnologia desenvolvida que permite a saída do ar e o fechamento por completo caso o sistema de aeração pare de funcionar, para não ocorrer entrada de efluente na tubulação primária.

Estrutura inferior: chamado também de lastro, é feito de inox e possui peso suficiente para manter o conjunto submerso no fundo do tanque.

Conjunto de cabos de içamento: feitos em inox, serve para içar o conjunto, para uma eventual manutenção ou reposicionamento no tanque, mantendo-o na posição horizontal de trabalho.

Imagem4

 

A SIGMA destaca que o projeto foi desafiador desde o seu início até a finalização da entrega na obra.

Para maiores informações, entre em contato com a SIGMA.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS: SEMASA INSTALA NOVO SISTEMA DE AERAÇÃO NA ETE CIDADE NOVA EM ITAJAÍ/SC

ÚLTIMAS NOTÍCIAS: NOTA TÉCNICA ABORDA ESTRATÉGIAS PARA A RECUPERAÇÃO DA LAGOA DA CONCEIÇÃO EM SC