O presente trabalho tem como objetivo avaliar a toxicidade do produto de solubilização do lodo gerado pelo tratamento da AP em reatores aeróbios, proveniente da estação piloto de tratamento do efluente do Terminal Marítimo Almirante Barroso.
Diante da necessidade de fontes alternativas de água para utilização, estuda-se novas ferramentas que otimizem e ampliem as possibilidades do uso da água para atividades como agricultura, pecuária e indústrias.
Este estudo nos permite inferir sobre a capacidade de biodegradação da atrazina por bactérias presentes nos filtros CAB, a capacidade de remover herbicidas por meio desse sistema de filtros e a possível utilização dessa tecnologia como alternativa para o controle e a remoção dessa substância no tratamento de água.
Este trabalho teve como objetivo o tratamento de águas residuárias, proveniente da indústria de cosméticos, para isso um filtro foi construído com camadas de resíduos agroindustriais (cascas de arroz, vermiculita e sabugo de milho carbonizado)em escala laboratorial.
O artigo em questão visou estudar meios de tratamento deste resíduo em uma Estação de Tratamento de Água da cidade de Canoas, no estado do Rio Grande do Sul, Brasil, pois foi constatada que por ser uma estrutura bastante antiga, ainda não possuía um meio adequado de tratamento de lodo, ocasionando no descarte e assim, impactando negativamente o meio ambiente.
O objetivo deste trabalho foi revitalizar a massa d’agua presente no interior do Zoológico Município de Guarulhos – SP, por meio de técnicas de Biorremediação.
Esse estudo teve o objetivo de avaliar a ocorrência de chumbo total, cromo total e mercúrio total, em mananciais de abastecimento de água e água de consumo humano no Brasil.
este trabalho tem por objetivo investigar a aplicabilidade e o tratamento da água cinza nas edificações.
Este trabalho apresenta resultados de uma pesquisa, cujo objetivo central foi alcançar melhorias temporais na remoção da água destes resíduos através da utilização de cobertura plástica no leito de drenagem (etapa de evaporação).
O Nordeste do Brasil em determinadas épocas sofre com a escassez hídrica, e a procura por água comercializada aumenta consideravelmente. Para realizar o tratamento de água, antes da comercialização, alguns proprietários adicionam o composto químico sulfato de alumínio (Al2(SO4)3).
A pesquisa foi desenvolvida de forma qualitativa e quantitativa, por meio de reunião sistemática de dados contidos em livros, artigos, e publicações dos últimos anos, os quais, foram possíveis concluir que as opções estudadas possuem particularidades ao serem aplicadas, pontos positivos e negativos, devendo ser adequadas a cada especificidade de lodo, resultando em diversas opções ambientalmente favoráveis para solução do problema.
Esta pesquisa foi elaborada por meio de consultas na literatura especializada, com cerca de 160 artigos pesquisados e 38 efetivamente utilizados; concentrou-se em discutir os benefícios dos coagulantes naturais frente aos coagulantes químicos, bem como as implicações dos diferentes tipos de coagulantes naturais no tratamento de água, efluentes líquidos e esgotos.
O presente trabalho compara o desempenho de dois coagulantes, o sulfato de alumínio ferroso (SAF) e o policloreto de alumínio (PAC) na remoção de turbidez para o tratamento de água para abastecimento público, utilizando como estudo de caso a represa Bananal que abastece o Município de Gurupi, TO.
Trabalho este necessário para a maximização da eficiência de operação. Para tanto, durante as lavagens destas unidades, ocorre o descarte de grande volume de água.
Este trabalho visou o desenvolvimento de um carvão ativado (com cloreto de cálcio) a partir do bagaço da laranja com a finalidade de utilizá-lo especificamente para adsorção de íons nitrato em água para consumo humano.
Este trabalho tem como objetivo a caracterização do efluente líquido descartável Resumo: (sobrenadante das lagoas de lodo e a água de lavagem dos filtros) da ETA/Gramame, João Pessoa, Paraíba, com vistas ao reúso no início do processo de tratamento.
Passados quase 100 anos da implementação das primeiras estações de tratamento de agua no Brasil, muita coisa mudou, mas os princípios básicos de tratamento seguem muito semelhantes.
A presente pesquisa compara o desempenho do coagulante extraído da semente da Moringa oleifera com o coagulante químico Sulfato de Alumínio.

Categoria de Artigo: Tratamento de Água

O presente trabalho tem como objetivo avaliar a toxicidade do produto de solubilização do lodo gerado pelo tratamento da AP em reatores aeróbios, proveniente da estação piloto de tratamento do efluente do Terminal Marítimo Almirante Barroso.
Diante da necessidade de fontes alternativas de água para utilização, estuda-se novas ferramentas que otimizem e ampliem as possibilidades do uso da água para atividades como agricultura, pecuária e indústrias.
Este estudo nos permite inferir sobre a capacidade de biodegradação da atrazina por bactérias presentes nos filtros CAB, a capacidade de remover herbicidas por meio desse sistema de filtros e a possível utilização dessa tecnologia como alternativa para o controle e a remoção dessa substância no tratamento de água.
Este trabalho teve como objetivo o tratamento de águas residuárias, proveniente da indústria de cosméticos, para isso um filtro foi construído com camadas de resíduos agroindustriais (cascas de arroz, vermiculita e sabugo de milho carbonizado)em escala laboratorial.
O artigo em questão visou estudar meios de tratamento deste resíduo em uma Estação de Tratamento de Água da cidade de Canoas, no estado do Rio Grande do Sul, Brasil, pois foi constatada que por ser uma estrutura bastante antiga, ainda não possuía um meio adequado de tratamento de lodo, ocasionando no descarte e assim, impactando negativamente o meio ambiente.
O objetivo deste trabalho foi revitalizar a massa d’agua presente no interior do Zoológico Município de Guarulhos – SP, por meio de técnicas de Biorremediação.
Esse estudo teve o objetivo de avaliar a ocorrência de chumbo total, cromo total e mercúrio total, em mananciais de abastecimento de água e água de consumo humano no Brasil.
este trabalho tem por objetivo investigar a aplicabilidade e o tratamento da água cinza nas edificações.
Este trabalho apresenta resultados de uma pesquisa, cujo objetivo central foi alcançar melhorias temporais na remoção da água destes resíduos através da utilização de cobertura plástica no leito de drenagem (etapa de evaporação).
O Nordeste do Brasil em determinadas épocas sofre com a escassez hídrica, e a procura por água comercializada aumenta consideravelmente. Para realizar o tratamento de água, antes da comercialização, alguns proprietários adicionam o composto químico sulfato de alumínio (Al2(SO4)3).
A pesquisa foi desenvolvida de forma qualitativa e quantitativa, por meio de reunião sistemática de dados contidos em livros, artigos, e publicações dos últimos anos, os quais, foram possíveis concluir que as opções estudadas possuem particularidades ao serem aplicadas, pontos positivos e negativos, devendo ser adequadas a cada especificidade de lodo, resultando em diversas opções ambientalmente favoráveis para solução do problema.
Esta pesquisa foi elaborada por meio de consultas na literatura especializada, com cerca de 160 artigos pesquisados e 38 efetivamente utilizados; concentrou-se em discutir os benefícios dos coagulantes naturais frente aos coagulantes químicos, bem como as implicações dos diferentes tipos de coagulantes naturais no tratamento de água, efluentes líquidos e esgotos.
O presente trabalho compara o desempenho de dois coagulantes, o sulfato de alumínio ferroso (SAF) e o policloreto de alumínio (PAC) na remoção de turbidez para o tratamento de água para abastecimento público, utilizando como estudo de caso a represa Bananal que abastece o Município de Gurupi, TO.
Trabalho este necessário para a maximização da eficiência de operação. Para tanto, durante as lavagens destas unidades, ocorre o descarte de grande volume de água.
Este trabalho visou o desenvolvimento de um carvão ativado (com cloreto de cálcio) a partir do bagaço da laranja com a finalidade de utilizá-lo especificamente para adsorção de íons nitrato em água para consumo humano.
Este trabalho tem como objetivo a caracterização do efluente líquido descartável Resumo: (sobrenadante das lagoas de lodo e a água de lavagem dos filtros) da ETA/Gramame, João Pessoa, Paraíba, com vistas ao reúso no início do processo de tratamento.
Passados quase 100 anos da implementação das primeiras estações de tratamento de agua no Brasil, muita coisa mudou, mas os princípios básicos de tratamento seguem muito semelhantes.
A presente pesquisa compara o desempenho do coagulante extraído da semente da Moringa oleifera com o coagulante químico Sulfato de Alumínio.

Remoção de herbicida atrazina por meio de filtros de carvão ativado granular associados com microrganismos no tratamento de água para abastecimento

Este estudo nos permite inferir sobre a capacidade de biodegradação da atrazina por bactérias presentes nos filtros CAB, a capacidade de remover herbicidas por meio desse sistema de filtros e a possível utilização dessa tecnologia como alternativa para o controle e a remoção dessa substância no tratamento de água.

Leia Mais »

Estudo de viabilidade técnica para instalação de um sistema de tratamento de lodo na estação de tratamento de água Niterói/RS

O artigo em questão visou estudar meios de tratamento deste resíduo em uma Estação de Tratamento de Água da cidade de Canoas, no estado do Rio Grande do Sul, Brasil, pois foi constatada que por ser uma estrutura bastante antiga, ainda não possuía um meio adequado de tratamento de lodo, ocasionando no descarte e assim, impactando negativamente o meio ambiente.

Leia Mais »

Possíveis efeitos do alumínio presente na água tratada

O Nordeste do Brasil em determinadas épocas sofre com a escassez hídrica, e a procura por água comercializada aumenta consideravelmente. Para realizar o tratamento de água, antes da comercialização, alguns proprietários adicionam o composto químico sulfato de alumínio (Al2(SO4)3).

Leia Mais »

Destinações ambientalmente adequadas do resíduo gerado no processo de tratamento de água convencional

A pesquisa foi desenvolvida de forma qualitativa e quantitativa, por meio de reunião sistemática de dados contidos em livros, artigos, e publicações dos últimos anos, os quais, foram possíveis concluir que as opções estudadas possuem particularidades ao serem aplicadas, pontos positivos e negativos, devendo ser adequadas a cada especificidade de lodo, resultando em diversas opções ambientalmente favoráveis para solução do problema.

Leia Mais »