Notícias

Durante visita à obras no Pacuí, Pimentel diz que planeja captação de água no Rio São Francisco

Publicado em 31/01/2018 às 16:36:38

Governador acredita que obra futura irá amenizar ainda mais o desabastecimento em Montes Claros; captação no Rio Pacuí foi orçada em R$ 135 milhões.

montes-carlos

O governador de Minas Gerais Fernando Pimentel (PT) visitou, na manhã desta terça-feira (30), as obras de captação no Rio Pacuí, em São João do Pacuí, no Norte de Minas. A obra da Copasa, orçada em R$ 135 milhões, visa auxiliar o abastecimento de água da cidade de Montes Claros, que fica cerca de 56 quilômetros do ponto de captação.

Pimetel afirmou que outra solução para evitar a escassez de água em Montes Claros é a captação no Rio São Francisco, e isso será uma obra mais “definitiva” que a captação no Pacuí, que já está 60% concluída. A previsão da Copasa é que em agosto a obra seja finalizada.

“Nós estamos apressando para resolver o problema de água de Montes Claros, que está passando por racionamento neste momento”, afirmou o governador, que disse também que futuramente uma obra irá captar água no Rio São Francisco para Montes Claros.

montes-carlos-sao-francisco

O abastecimento de água em Montes Claros tem sido realizado em forma de rodízio – 24 horas com água e 48 horas sem abastecimento. Segundo a presidente da Copasa, Sinara Meirelles, a ideia da companhia é propiciar o sistema de captação no Pacuí com uma “flexibilidade operacional”, para trazer maior segurança ao fornecimento de água para Montes Claros.

“Desse modo, mesmo quando o reservatório não tiver volume de água suficiente para abastecer a totalidade da população de Montes Claros, essa população terá água complementada por meio do sistema Pacuí”, diz.

Fonte: G1 Grande Minas


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *