Notícias

Totalmente automatizado, sistema CeraMem®, da Veolia Water Technologies, remove metais pesados

Publicado em 23/11/2016 às 09:43:25

                                                                 veolia-selo

Membranas CeraMem® UF atuam como barreira absoluta para óleos, sólidos em suspensão e metais condensados

412

Produtos para revestimento de superfície de aços são comumente usados para estender sua vida útil. Revestimentos ricos em cromo, níquel, zinco e outros metais são amplamente utilizados na indústria siderúrgica e representam um desafio ambiental, pois os metais residuais do processo de revestimento, combinados com óleos de proteção de superfícies não tratadas, desembocam nas águas residuais de processo. Esses desafios também existem nas indústrias de semicondutores, mineração e outras, envolvendo a presença de óleos e metais nos fluxos de resíduos.

Estes metais pesados e óleos devem ser removidos das águas residuais para um nível muito baixo antes do descarte ou reutilização da água. Métodos convencionais para resolver este problema baseiam-se na separação tradicional e por gravidade, que podem não conseguir a eficiência de remoção requerida para os limites de agua de descarte ou reúso.

A Veolia Water Technologies desenvolveu a tecnologia de membrana cerâmica CeraMem®, um sistema avançado de remoção de metais pesados especificamente para a indústria de metais para um processo simples, eficaz e robusto que remove sólidos combinados, metais, óleos e graxas de águas residuais. As etapas-chave do processo incluem pré-tratamento (por exemplo, para fluxos contendo cianetos ou cromato), precipitação de metais, seguida por ultrafiltração (UF) e tratamento de lodos.

A tecnologia CeraMem® é resistente ao choque químico e térmico e é capaz de operar em uma faixa de pH tão ampla quanto 0 a 14. Sua capacidade permite tratar fluxos de alimentação difíceis com grande demanda ou complexidade de limpezas químicas com longa vida das membranas.

Testes piloto realizados em uma planta de revestimento e tratamento de superfícies, resultaram na remoção de alta qualidade para os metais de uma corrente de alimentação contendo óleo, sólidos e metais dissolvidos em seu processo. Os sólidos e óleos foram removidos alcançando turbidez inferior a 2 NTU e a remoção de metais excedeu os limites de eliminação, independentemente da variabilidade do influente. O sistema UF operado de forma estável e confiável em uma semana de teste exigiu pouca limpeza, usando contralavagens para manter as taxas de produção. A limpeza química foi um processo simples e restaurou as membranas às condições de projeto com ciclos curtos de duas horas de limpeza.

Sobre a Veolia

O grupo Veolia é a referência mundial em gestão otimizada dos recursos. Presente nos cinco continentes com mais de 174.000 colaboradores, o Grupo concebe e implementa soluções para a gestão da água, dos resíduos e da energia, que fomentam o desenvolvimento sustentável das cidades e das indústrias. Com suas três atividades complementares, a Veolia contribui para o desenvolvimento do acesso aos recursos, à preservação e renovação dos recursos disponíveis.

Em 2015, o grupo Veolia trouxe água potável para 100 milhões de habitantes e saneamento para 63 milhões, produziu 63 milhões de megawatt/hora e valorizou 42.9 milhões de toneladas de resíduos. A Veolia Environnement (Paris Euronext: VIE) obteve em 2015 um faturamento consolidado de 25 bilhões de euros. www.veolia.com


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *