Notícias

Zeólito: Tratamento de Metal Pesado

Publicado em 30/05/2018 às 11:47:52

Metais pesados

Metais pesados são um grupo de elementos que podem ser prejudiciais à saúde em grandes quantidades dentro de um organismo. Entre os mais perigosos e abundantes estão o Mercúrio, Cádmio, Chumbo, Arsênico e Cromo. Estes metais serão considerados dentro do experimento realizado.

Embora o organismo vivo necessite de pequena dose de metais para ser saudável, ao atingir um limite estes podem causar doenças e danos aos fetos, como mutações e morte.

O vídeo abaixo, apresenta uma experiência utilizando zeólitos ou zeólitas no tratamento de metais pesados, como chumbo, mercúrio, arsênico, cromo e cádmio.

Em um ponto do rio Rímac, na província de Huarochiri no Peru, descobriu-se que a água tinha as seguintes concentrações de metais pesados:

zeolito

Todos os resultados obtidos estão acima dos limites máximos permitidos.

Zeólito

O zeólito é um mineral obtido pela combinação das cinzas de erupções vulcânicas e de água do mar. Seu nome é a conjugação das palavras em grego “ZEO” = Ferver e “LITHOS” = pedra.

O zeólito tem a capacidade de adsorver poluentes como metais pesados na água. Para este experimento, o processo de difração de raios X foi usado para descobrir o tipo de zeólito disponível para o experimento.

zeolito

Tratamento

Para o tratamento, foi utilizado o teste de frasco, que consiste em colocar diferentes variações de concentração de adsorvente em distintos frascos com a mesma capacidade.

recipiente

Foram utilizados 3 recipientes com 5 litros de água contaminada. Em cada recipiente, foram adicionadas diferentes concentrações de adsorventes de 25, 50 e 75 gramas. Os resultados obtidos foram os seguintes:

zeolito

Pode ser demonstrado na imagem o estado da amostra obtido inicialmente, a cor e a concentração de contaminantes.

becker

Os resultados físicos encontrados após a realização do tratamento, como pode ser visto, há uma mudança radical na cor da água, retornando quase que completamente ao seu estado natural fisicamente.

grafico

Metais pesados analisados

Em seguida, foi feita uma comparação dos resultados, onde os seguintes dados foram obtidos:

  • No caso do recipiente, em que foram adicionados 25 gramas de zeólito, pode se observar que no caso de mercúrio e chumbo em uma amostra de 5 litros, não tiveram muitos resultados favoráveis. Mas no caso do cádmio, arsênico e cromo apresentaram maior eficiência de absorção.
  • No caso do recipiente, em que foram adicionados 50 gramas de zeólito, Pode se observar que todos os resultados foram favoráveis, chegando a igualar ou superar o caso anterior. A única exceção que pode ser encontrada foi no caso do cromo que não superou o caso anterior.
  • No terceiro e último caso, no qual 75 gramas foram adicionados, pode ser visto que os resultados foram muito desfavoráveis em comparação com os casos anteriores.

grafico

Neste gráfico é possível ver todos os metais pesados analisados (cromo, chumbo, mercúrio, arsênico e cádmio). O zeólito tem maior eficiência de adsorção no mercúrio e chumbo, com 99,1% e 95,64%, respectivamente. Em caso de menor eficiência de adsorção, o cromo é encontrado com 32,67%.

 

Fonte: iAgua, Blog de Benji José Hurtado Tomaylla adaptado por Portal Tratamento de Água – www.tratamentodeagua.com.br

Traduzido por Gheorge Patrick Iwaki

A Celta Brasil é uma empresa brasileira fundada em 1998 e que desde o ano de 2002 se dedica ao desenvolvimento técnico de produtos compostos por zeólitas naturais, e sua respectiva produção e comercialização.

celta-brasil

Os padrões de qualidade, resultados práticos e alta capacidade de atendimento comercial a nível global, fazem ser reconhecida como uma das mais importantes empresas de zeólitas naturais no mercado mundial.

Dentro desta linha de atuação, a Celta Brasil possui quatro áreas de negócios principais:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *