NOTÍCIAS

Qualidade da água é essencial no combate à Covid-19

Água saudável é água tratada, garantindo a correta higienização e reduzindo os riscos de contaminação

 

agua

 

Lavar as mãos com água e sabão por vinte segundos, ininterruptos. A principal orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS) para evitar a contaminação pelo coronavírus, responsável por causar a COVID-19, está diretamente relacionada à qualidade da água.

Para oferecer confiança e segurança à saúde das famílias cuiabanas, a Águas Cuiabá realiza diariamente diversos testes de qualidade que garantem a potabilidade da água, apta ao consumo humano após o processo de captação e tratamento.

Segundo estudo do Instituto Trata Brasil realizado com dados do Sistema Nacional de Informação sobre Saneamento (SNIS) de 2018, cerca de 83% dos brasileiros têm abastecimento de água tratada. Porém, 35 milhões de pessoas ainda estão sem acesso a esse serviço. Em Cuiabá, segundo o Ranking do Saneamento deste ano feito pelo Instituto, o indicador de atendimento total de água na capital mato-grossense é de quase 97%.

Por ano, a Águas Cuiabá realiza mais de 600 mil testes na água tratada na capital de Mato Grosso. As amostras são coletadas em diversos pontos da rede pública de abastecimento, desde as ETAs (Estações de Tratamento de Água) até os reservatórios operados pela companhia. Todo o cuidado conta com o trabalho direto ou indireto de cerca de 500 colaboradores para garantir o tratamento e a distribuição de água potável, 100% fluoretada, dentro das normas do Ministério da Saúde e dos órgãos fiscalizadores.

A concessionária conta com laboratórios próprios e, também, com laboratórios parceiros credenciados, fazendo periodicamente o controle de qualidade de aspectos físicos, químicos e bacteriológicos. Afinal, água é saúde, qualidade de vida e um recurso imprescindível a todos. E água saudável, é água tratada. Mas atenção: a concessionária é responsável pelo fornecimento da água tratada, apta ao consumo humano, até o cavalete do imóvel. Por isso, há alguns cuidados que o proprietário deve tomar para garantir a qualidade entregue pela Águas Cuiabá, do cavalete para dentro da residência, até a torneira.


LEIA TAMBÉM: ANA, IGAM E INCT/UFMG INICIAM PROJETO-PILOTO DE MONITORAMENTO DA COVID EM ESGOTOS.


Cuidados necessários para garantir água de qualidade

Limpar a caixa d’água frequentemente é um cuidado essencial por parte do consumidor. O ideal é que a higienização seja realizada a cada seis meses, evitando uma série de riscos à saúde, desde a ocorrência de diarreias a doenças graves como leptospirose, cólera e febre tifoide. É importante também manter a caixa d’água fechada para prevenir a entrada de insetos e animais, inclusive a proliferação do mosquito da dengue, o Aedes aegypti.

No procedimento de limpeza, use um pano úmido ou escova de fibra vegetal e não use sabão, detergente ou produtos químicos. De preferência, use somente água sanitária diluída (nove partes de água para uma de água sanitária).

Outro ponto importante é estar atento ao funcionamento e ao prazo de validade da boia da caixa d’água. O mau funcionamento pode causar vazamentos e desperdício de água, além de impedir o abastecimento regular do reservatório interno.

Evitar o desperdício também é um cuidado essencial com o meio ambiente e com a sustentabilidade. Feche a torneira ao ensaboar as mãos. Em meio às repetidas lavagens ao longo do dia, já pensou quanto se pode economizar em água com o consumo consciente?

O momento é de prevenção e cuidado reforçados, de mobilização coletiva contra a COVID-19. Águas Cuiabá e população cuiabana: juntos no saneamento, juntos contra o coronavírus.

Fonte: O Bom da Notícia.