Notícias

DAF Trata Efluentes Lácteos Para Descarte Municipal

Publicado em 04/01/2021 às 10:37:51

O primeiro projeto esloveno da Fluence usa flotação por ar dissolvido (DAF) para reduzir o custo do tratamento de efluentes municipais

fluence

O pré-tratamento de efluentes de laticínios com DAF pode reduzir a Demanda Química de Oxigênio (DQO) em até 70% e praticamente todas as graxas são removidas.

Os efluentes da produção de alimentos podem transportar 10 vezes a carga orgânica dos efluentes municipais. Os serviços de esgoto e água geralmente não conseguem lidar com o volume e, quando podem, cobram por isso. Como resultado, muitas operações tratam todo o efluente internamente.

Outra opção para as plantas é realizar o pré-tratamento internamente para reduzir os custos do tratamento municipal. Uma dessas operações é a planta da Ekolat em Vipava, Eslovênia. A Ekolat, parte do grupo italiano Sabelli, é um grande concorrente no mercado italiano de muçarela e também produz queijos frescos e outras especialidades gastronômicas.

Efluentes da produção de laticínios são especialmente difíceis de tratar. Diferentes tipos de efluentes são gerados em momentos distintos, causando grandes variações no fluxo deles. Mas, em geral, as águas residuais de laticínios são caracterizadas por altas temperaturas, altas cargas orgânicas e uma ampla faixa de valores de pH.

A planta Ekolat processa 130.000 l/s de leite, gerando um fluxo de efluente que é composto principalmente de gorduras e proteínas com uma média de:

  • COD: 3220 mg/l
  • TSS: 710 mg/l
  • TSS: 710 mg/l
  • Óleos e graxas: 580 mg/l

A infraestrutura da companhia de água local era capaz de tratar o fluxo de efluente de alta carga orgânica no estado em que se encontra, mas o preço era alto.


LEIA TAMBÉM: Planta de dessalinização de água do mar desenvolvida pela Fluence recebe prêmio internacional


Flotação de Ar Dissolvido

A Ekolat entrou em contato com a Fluence, que já era conhecida por sua impressionante experiência na indústria de laticínios italiana, tanto para tratamento de água quanto para efluentes.

O portfólio de soluções de trabalho da Fluence na região inclui flotação por ar dissolvido (DAF), purificação de água, remoção de arsênico e sistemas avançados de conversão de resíduos em energia. A Agência Europeia de Biogás (EBA) destacou recentemente o projeto italiano Eurofish desenvolvido pela Fluence em uma pequena lista de histórias de sucesso de conversão de resíduos em energia.

Em seu primeiro projeto na Eslovênia, a Fluence instalou um novo sistema DAF de 25 m³/h que reduziu drasticamente o custo de tratamento na planta municipal, removendo primeiro gordura, proteína e carga orgânica do efluente. Com o novo tratamento, a demanda química de oxigênio (DQO) é reduzida em até 70% e praticamente todas as gorduras são removidas.

A planta Ekolat tinha espaço limitado. Embora as plantas DAF geralmente sejam instaladas do lado de fora, a Fluence conseguiu instalar a unidade DAF, que se parece com um grande tanque, dentro de uma sala da planta.

Conversão de Resíduos em Energia

Como o efluente da indústria de alimentos tem uma alta carga orgânica, ele também contém energia potencial suficiente para reduzir significativamente as contas de energia. Um aumento no volume de efluente na Ekolat, seja através do aumento da produção ou parceria com outras operações de laticínios, justificaria a adição de um sistema de conversão de resíduos em energia para reduzir ainda mais os custos de produção no futuro.

Por meio da digestão anaeróbica, as plantas W2E produzem biogás, que pode ser usado para alimentar caldeiras ou gerar eletricidade. Algumas usinas produzem energia suficiente para abastecer suas operações com o excesso de eletricidade para ser vendido à rede.

Entre em contato com a Fluence para saber mais sobre nossas soluções para tratar efluentes de laticínios desafiadores enquanto recupera energia para a produção de energia.

Fonte: Fluence Corp.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *