NOTÍCIAS

Convênio entre USP e Semae/SP diminuirá perda de água em Piracicaba

Parceria entre o Serviço Municipal Autônomo de Água (Semae) de Piracicaba e a Escola Politécnica (Poli) da USP pretende reduzir o índice de perdas para 30%, além de otimizar economia de energia e matéria-prima

agua

Imagem ilustrativa

Um convênio entre o Serviço Municipal Autônomo de Água (Semae) de Piracicaba e a Escola Politécnica (Poli) da USP tornará viável a diminuição de perda de água para 30%. Atualmente esse índice de perda no município é maior que 45%. O professor da Poli, Cícero Couto de Moraes, coordenador do projeto, explica o plano ao Jornal da USP no Ar 1ª Edição.

“É um projeto que vai demandar um ano e meio e vai proporcionar uma grande melhoria para a população”, afirma. A parceria foi firmada através de uma proposta de trabalho aprovada na Câmara Municipal. “O objetivo é analisar alguns problemas que são bastante importantes nessa fase de escassez de água”, comenta o professor.


LEIA TAMBÉM: SAMAE/RS PRETENDE REDUZIR EM 20% A PERDA DE ÁGUA E AMPLIAR TRATAMENTO DE ESGOTO NOS PRÓXIMOS QUATRO ANOS


Além dos aspectos tecnológicos que serão implantados para viabilizar uma operação mais ágil do Semae, também serão feitos diagnósticos no sistema de distribuição e tratamento de água.

“A ideia é fazer recomendações, desde trocas completas, até o que é menos importante.” O projeto também contempla um curso de aperfeiçoamento para o corpo técnico da companhia.

A perda de água não será a única parte otimizada. Intervenções nos setores de matéria-prima e energia também serão feitas.

“A economia de energia e regulagem dos equipamentos em um processo mais otimizado é fundamental”, afirma Moraes, “então a gente vai ter ganho nas três partes, e isso faz parte da tecnologia que a gente está propondo”.

Fonte: Jornal USP.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS: FAZENDO A ESCOLHA CERTA PARA PRODUZIR ÁGUA PARA INJETÁVEIS (WFI)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS: TRÊS TÉCNICAS AMBIENTAIS EUROPEIAS QUE SERÃO O FUTURO NO BRASIL