BIBLIOTECA

Aumento do volume de acumulação em barragens com utilização de fusegate – aplicação na barragem do Rio Tapera/PR

Resumo

A Ilha de Itaparica está situada na Baia de Todos os Santos, próximo a Salvador e a outras cidades do recôncavo baiano, o que leva a ser uma opção de veraneio para os habitantes destas cidades. Regiões com esta característica apresentam uma grande variação de demanda ao longo do ano, não sendo diferente no caso do SIAA de Itaparica, cuja demanda aumenta significativamente no verão.

As características pluviométricas da região, aliada a sazonalidade da demanda, faziam com que, anualmente, um volume considerável fosse extravasado. Em 2015 houve uma diminuição da precipitação na área de contribuição da barragem do rio Tapera, manancial que atende ao SIAA de Itaparica, projetando a necessidade de se proceder a restrições no abastecimento. Diante destes fatos, a Embasa buscou alternativas para aproveitamento do volume extravasado, tendo-se optado pela implantação do sistema Fusegate, que consiste de elementos independentes de concreto e/ou de aço, apoiados sobre o vertedouro, aumentando assim o NA máximo da barragem.

Considerando que a vazão média mensal captada entre abr/16 e out/16, período de menor demanda, foi de 460.932m³, o volume extra armazenado no período entre 24/07/16, data em que a barragem atingiu a cota de vertimento anterior (NA 15,60m) e 10/10/16, data em que atingiu o nível máximo após a instalação dos fusegates (NA 16,38m), 926.300m³; foi capaz de garantir mais 2 meses de abastecimento em períodos de baixa demanda. O sistema Fusegate implantado na barragem do rio Tapera atingiu os objetivos propostas, a um equivalente a pouco menos de 2 meses de faturamento do SIAA de Itaparica.

Objetivo

Este trabalho tem por objetivo apresentar os resultados obtidos pela Embasa com a instalação do dispositivo Fusegate na barragem do rio Tapera com o objetivo de aumentar o volume reservado e, consequentemente, ampliar a vazão regularizada pela barragem e assim poder garantir a vazão distribuída para o SIAA de Itaparica.

Autores: Rogério de Medeiros Netto e Amarildo Evaristo BonfimMoreno.