BIBLIOTECA

Sistema fossa-filtro anaeróbico aplicado ao tratamento de efluentes do processamento de leite

Introdução:  Conforme Andrade (2011), a indústria de laticínios representa uma atividade de grande importância na economia brasileira e mundial, sendo o Brasil um dos maiores produtores mundiais de leite. Os efluentes líquidos gerados nos processos de produção de laticínios possuem elevados teores de matéria orgânica, gorduras, sólidos suspensos e nutrientes, sendo considerados a principal fonte de poluição dessas indústrias. Segundo Naturaltec (2015), o tratamento fossa-filtro funciona por gravidade, sendo de fácil manejo e manutenção, tendo aplicações no tratamento de esgotos sanitários e despejos comerciais de altas ou baixas cargas orgânicas, sendo que esses tratamentos são normatizados, no caso da fossa pela NBR 7229/1993, e para o filtro NBR 13969/1997. De acordo com a essa primeira NBR, a fossa séptica apresenta uma grande capacidade de retenção de sólidos (80%) e redução de carga orgânica dissolvida (30%). A construção de filtros anaeróbios por essa segunda NBR, é um tratamento complementar após a fossa, sendo que os filtros anaeróbios têm fluxo ascendente, obrigando a água a passar por um meio de suporte de brita ou mídia plástica que permite o desenvolvimento de microrganismos em sua superfície que oxidam os poluentes do esgoto por uma ação bacteriana. Este trabalho teve o objetivo de avaliar a eficiência do sistema fossa filtro no tratamento do efluente proveniente de uma indústria de beneficiamento de leite localizada na cidade de Patos de Minas (MG). Para tal propósito, estimou-se parâmetros como: oxigênio dissolvido (OD), pH, turbidez e temperatura, para se determinar a eficiência do sistema fossa-filtro e comparar com as normas vigentes.

Autores: Heitor Otacílio Nogueira Altino; Daniel Silva Camargos; Orlando Francisco Ferreira Neto; Philip Otávio Geraldo Beuker e Daniel Oliveira e Silva.

Leia o estudo completo: Sistema fossa-filtro anaeróbico aplicado ao tratamento de efluentes do processamento de leite