Notícias

Tratamento local avançado de efluentes para aplicações de projetos novos e retrofit

Publicado em 27/08/2019 às 11:12:00

A tecnologia de reator de biofilme por membrana aerada oferece desempenho superior, operação mais simples e oportunidades de reúso de água

artigo

Muitos proprietários e operadores de plantas de tratamento descentralizadas tradicionais de efluentes sanitários, também referidas pelo seu tratamento local ou fora da rede, estão bem conscientes de que seus sistemas correm o risco de se tornar obsoletos. Estes sistemas incluem:

  • Campos sépticos
  • Lagunas
  • Valas e lagoas de oxidação
  • Mecanismos de contator biológico rotativo (RBC)
  • Processos de reator em batelada sequencial (SBR)

Por que então as preocupações? Os parques, empreendimentos residenciais e comerciais, acampamentos e serviços privados são cada vez mais desafiados a tratar os efluentes com eficiência quando confrontados com:

  • Probabilidade de requisitos de qualidade de descarga mais rigorosos nos próximos anos
  • Custos de capital para atualizar ou substituir as plantas existentes
  • Problemas de escassez de água e a demanda para reutilizar beneficamente efluentes tratados
  • Pressão para manter a planta fácil de operar e manter
  • Necessidade de escalar as operações à medida que as exigências de tratamento aumentam
  • Espaço limitado para construir e aumentar a planta
  • Odores desagradáveis decorrentes de atividades de coleta e tratamento
  • Imperativo social de oferecer um processo sustentável para minimizar o impacto ambiental

No entanto, uma tecnologia avançada de tratamento de efluentes conhecida como Reator de Biofilme por Membrana Aerada (MABR) é particularmente adequada para superar cada um destes desafios.

Conheça a linha de equipamentos da Fluence


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *