NOTÍCIAS

Prefeitura de Monteiro (Paraíba) garante obras para não contaminar água do Rio São Francisco

Após recente determinação do Ministério Público, entidades responsáveis por locais específicos do trecho da transposição que liga os açudes de Poções em Monteiro, Camalaú, na cidade com o mesmo nome, até o Epitácio Pessoa em Boqueirão, estão realizando licitações e prevendo início e término das obras complementares entre os meses de fevereiro e abril de 2017, período em que as águas do Rio São Francisco devem chegar na Paraíba.

Órgãos como Cagepa, Dnocs, entre outros envolvidos, afirmaram que as licitações já foram realizadas e que as obras vão começar a serem executadas.

Na cidade de Monteiro, o empasse é o esgotamento sanitário, que desemboca no Rio Paraíba, local onde deve passar as águas da transposição até chegar em Boqueirão.

noticia-183-prefeitura-de-monteiro-paraiba-garante-obras-para-nao-contaminar-agua-do-rio-sao-francisco-2

Foto: Secom/PB

Diante da determinação do MPPB, a prefeitura se comprometeu a construir uma estação elevatória, dois lagos coletores de esgoto e também vai identificar ligações clandestinas de esgoto no canal pluvial.

A previsão para essas ações, é de 30 a 60 dias, segundo informou o vice-prefeito da cidade, Cajó Menezes.

– Uma etapa da obra vai ficar pronta até março ou abril. Após a obra, não haverá perigo da água ser contaminada pelo esgotamento. Esperamos que a água do São Francisco chegue a nossa cidade, pois assim resolveria em 100% o problema hídrico – ressaltou o vice-prefeito, em entrevista à Rádio Campina FM.

FONTE: Paraíba Online