NOTÍCIAS

Novo poço dobra produção de água tratada em Santa Lúcia/PR

Sistema ganha mais 600 mil litros de água por dia, devendo atender a cidade por pelo menos 10 anos

 

poco

 

Com a entrada em funcionamento de mais um poço em Santa Lúcia, a partir da segunda-feira (8), o abastecimento na cidade ganha um reforço de 600 mil litros de água por dia, dobrando a capacidade de produção.

A Sanepar construiu esta obra de forma emergencial para suprir a queda de 40% na vazão do outro poço, causada pela estiagem do ano passado. Desde setembro de 2019, o fornecimento de água estava sendo complementado com caminhões-pipa.

Além de suprir a demanda atual da cidade, o novo poço deve atender o consumo dos moradores pelos próximos 10 anos. O gerente-geral da Sanepar, Renato Mayer Bueno, explica que a Sanepar adotou, sem sucesso, diversas medidas para recuperação da vazão do primeiro poço.

“A alternativa foi anteciparmos as obras de operacionalização do novo poço que, após testes de vazão, apresenta condições favoráveis para atender a demanda dos moradores e a projeção de crescimento ao longo da próxima década”, disse Renato. Foram contratadas, de forma emergencial, obras civis e elétricas.


LEIA TAMBÉM: 700 MIL PARANAENSES AINDA NÃO TÊM ACESSO À ÁGUA ENCANADA, ESTIMA ABCON.


Casa de química e investimento

Foi construída uma casa de química onde é efetuado o tratamento e foram assentados mais de 1,7 mil metros de adutora para transportar a água até a unidade de tratamento. Em toda a obra, a Sanepar investiu R$ 745,2 mil reais.

Santa Lúcia tem mais de 1,2 mil imóveis com água tratada. A água é transportada aos mais de 3 mil moradores da área urbana por meio de 27,8 mil metros de rede de distribuição.

Fonte: Governo do Estado do Paraná.