NOTÍCIAS

Ford se compromete a usar ao menos 10% de alumínio produzido com carbono zero até o final da década

Montadora norte-americana aderiu à iniciativa global First Movers Coalition.

A fabricante de automóveis americana se compromete a, até 2030, adotar pelo menos 10% do alumínio e aço produzidos com carbono quase zero em seus carros

Imagem Ilustrativa do Canva – Alumínio

 

A Ford aderiu à First Movers Coalition (FMC), iniciativa público-privada que trabalha pela descarbonização de certos setores da indústria global. A fabricante de automóveis americana se compromete a, até 2030, adotar pelo menos 10% do alumínio e aço produzidos com carbono quase zero em seus carros.

Outra meta é alcançar globalmente a neutralidade de carbono até 2050, incluindo a produção de seus veículos, operações em geral e a cadeia global de suprimentos.

“Como parte da First Movers Coalition, estamos visando o impacto ambiental da nossa cadeia de suprimentos, investindo em alumínio e aço verde. Essa coalizão tem o potencial de construir o futuro do transporte com emissões zero, que é bom para as pessoas, o planeta e os negócios”, disse Chris Smith, diretor de Assuntos Governamentais da Ford

A Ford ressalta que, atualmente, já recicla por volta de nove mil toneladas de alumínio por mês. O processo de reciclagem consome apenas cerca de 5% do que seria necessário para produzir o alumínio primário.


LEIA TAMBÉM: GOVERNO DE SP ABRE LICITAÇÃO PARA IMPLANTAR O PROGRAMA CARBONO ZERO NAS RODOVIAS PAULISTAS


Sobre a First Movers

A First Movers Coalition é uma iniciativa global do Fórum Econômico Mundial e do governo dos Estados Unidos, que tem como principal objetivo incentivar empresas e países a adotarem novas tecnologias limpas em suas cadeias de suprimentos.

Lançada em novembro de 2021, durante a 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, a FMC atua em setores da economia industrial considerados de difícil descarbonização.

A adesão da Ford foi oficializada no final de maio, ocasião em que a FMC incluiu o setor do alumínio – que além da Ford, conta até o momento com a participação de Apple, Ball Corporation, Novelis, Trafigura e Volvo Group.

Os demais setores da FMC são aviação, remoção de dióxido de carbono, transporte de cargas, aço e caminhões.

Atualmente, a iniciativa conta com a participação de 55 empresas. Cada uma precisa se comprometer com metas ambiciosas em pelo menos um dos setores – além de participar de iniciativas da coalizão para impulsionar as metas de carbono zero, como a participação em grupos de trabalho por setor.

Fonte: Revista Alumínio


ÚLTIMAS NOTÍCIAS: ÁGUAS SUBTERRÂNEAS: INVISÍVEL, INDIVISÍVEL E INDISPENSÁVEL, SERÁ O TEMA DO CONGRESSO DA ABAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS: CONFERÊNCIA DOS OCEANOS DA ONU TERMINA COM 700 COMPROMISSOS