NOTÍCIAS

De 30 minas d’água, apenas quatro estão potáveis em Volta Redonda, RJ

Fontes ficam nos bairros Sessenta, Siderópolis, Vila Brasília e Santa Rita.
Segundo Saae, vândalos retiram placas de alerta e prejudicam moradores.

349

De 30 minas d’ água, 26 estão impróprias para o consumo em Volta Redonda, no Sul do Rio de Janeiro. Somente quatro fontes tem água que não coloca em risco a saúde dos consumidores. As minas ficam nos bairros Sessenta, Siderópolis, Vila Brasília e Santa Rita. Elas são monitoradas todos os meses pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).

Segundo o Saae, os moradores não são informados se a água é potável, pois as placas instaladas pela prefeitura são retiradas por vândalos. Os alertas são feitos pela Vigilância Sanitária, que é responsável por fixar as placas e fazer exames. As minas que estão desativadas são utilizadas por falta de sinalização.

“Normalmente, após fixar, quando nós retornamos, as placas não estão mais no local. Essa placa é o nosso indicador para a população consumi-la ou não. No momento de uma chuva, pelo material ser muito poroso, ela vai mudar a coloração e ela pode se tornar imprópria para o consumo”, relatou a chefe de Divisão de Tratamento de Água, Jaciara Bandeira.

Os moradores que consumirem água imprópria podem apresentar sintomas de intoxicação como vômitos, diarreias e dor no estômago.

Fonte: G1