NOTÍCIAS

DAE de Americana/SP coloca em operação primeiro decantador da ETA 1

Serão reformados quatro decantadores nas ETAs 1 e 2, responsáveis por parte do tratamento da água; trabalhos devem ser concluídos ainda neste semestre

O primeiro decantador da ETA (Estação de Tratamento de Água e Esgoto) 1, que passou pelo processo de reforma e atualização técnica, foi colocado em operação no último final de semana, segundo o DAE (Departamento de Água e Esgoto). O prefeito de Americana, Omar Najar (MDB), vistoriou as obras de reforma no sistema de abastecimento no último sábado (23).

A próxima etapa da obra de reforma do sistema de decantação vai abranger o decantador 2 da ETA 1. Segundo o diretor geral do DAE, Carlos Cesar Gimenes Zappia, o tanque será esvaziado e os trabalhos de desmontagem da estrutura antiga executados a partir desta terça-feira (26).

Sistema-de-decantação-ETA-Americana

Conclusão das reformas está prevista para este primeiro semestre de 2019

Ao todo, serão reformados quatro decantadores nas ETAs 1 e 2, responsáveis por parte do tratamento da água, com investimentos no valor de R$ 2,5 milhões. A obra iniciou em 23 de janeiro e deverá ser concluída ainda neste semestre.

A ETA 1 existe desde o final da década de 50 e os equipamentos mais novos datam do início da década de 70. Esta primeira grande reforma nas ETAs possibilitará a melhoria no processo de clarificação do tratamento de água, aumentar a capacidade e a distribuição de água, que passará dos atuais 900 litros de água tratada por segundo para 1050 litros por segundo.

“Estamos entregando o primeiro decantador da ETA 1 totalmente reformado e prosseguiremos com o trabalho nas outras três unidades. É um investimento muito importante para toda a população, que ficou sem investimentos por 40 anos”, disse o prefeito Omar Najar.

Durante o trabalho de reforma dos decantadores nas ETAs, o processo de abastecimento não será prejudicado, mas haverá uma redução no volume de água tratada, devido à paralisação de uma parte do tratamento. Com a paralisação do primeiro decantador a redução prevista foi de 15% a 20%. Porém, deve diminuir nesta segunda etapa de obra, cando entre 10% e 15%.

Fonte: O Liberal.