Notícias

CASAN tem performance econômica recorde

Publicado em 23/04/2018 às 10:47:55
Categoria(s): Outros,
Tags: Casan, Economia, Rendomento financeiro],

Com uma receita líquida de R$ 1 bilhão, 11% a mais do que a do ano anterior, o lucro líquido registrado em 2017 foi de R$ 99,7 milhões.

 

sede-casan

balanço patrimonial de 2017 da CASAN, divulgado no Diário Oficial do Estado nesta segunda-feira, 23 de abril, mostrará que a Companhia teve um incremento de seus serviços e atingiu a sua melhor performance econômica da história.

Porém, diante do impacto dos primeiros meses do Programa de Demissão Voluntária Incentivado (PDVI) implantado no ano passado, o balanço real aponta um prejuízo contábil (fiscal) de R$ 28,5 milhões, um número que, no entanto, não tem impacto negativo no caixa.

Apesar de contabilizados em 2017, estes números serão amortizados pela empresa ao longo de oito anos, num total de até 96 parcelas, dando a oportunidade de usar esses recursos para dar seguimento ao plano de obras em execução.

PDVI

De acordo com os dados do PDVI, nos últimos dois meses de 2017 e três primeiros meses de 2018 saíram 246 funcionários, cujas indenizações impactaram o ano contábil 2017 em R$ 183,8 milhões.

O resultado contábil negativo de 2017, porém, evita que a CASAN tenha de desembolsar altas quantias em Imposto de Renda e de dividendos aos acionistas, o que acaba gerando uma economia de R$ 81 milhões aos cofres da Companhia.

Esses recursos já estão sendo utilizados como contrapartida dos investimentos em andamento, que contam com financiamentos de agências internacionais de fomento (a japonesa JICA e a francesa AFD) e de instituições nacionais, como BNDES, Caixa e Orçamento Geral da União, mantendo assim o ritmo atual das obras de saneamento em execução.

Crescimento

O atual Plano de Investimentos da CASAN é da ordem de R$ 2,2 bilhões, suficientes para ampliar os sistemas de abastecimento de água e os serviços de coleta e tratamento de esgoto. Essa economia em impostos e dividendos também evita que o governo do Estado tenha de fazer aportes na Companhia, como estava inicialmente previsto nos contratos de financiamento.

A CASAN encerrou o ano passado com 1.134.265 economias (residências) atendidas com abastecimento de água, representando um incremento de 2,4% na base de clientes da Companhia.

 

Fonte: Casan


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *