NOTÍCIAS

Braskem compra fatia da Odebrecht em empresa de saneamento por R$ 610 milhões

Odebrecht tinha fatia de 63,7% da Cetrel, empresa responsável por tratamento de efluentes no polo petroquímico de Camaçari.

A Braskem anunciou nesta sexta-feira (27) a compra da fatia de 63,7% que a Odebrecht Utilities detinha na Cetrel, uma empresa de saneamento, por R$ 610 milhões. A empresa é responsável pelo tratamento de efluentes e resíduos industriais das plantas da petroquímica no polo de Camaçari, na Bahia.

“A Cetrel tem papel relevante na gestão dos processos ambientais das atividades do Polo Petroquímico de Camaçari”, afirma Fernando Musa, presidente da Braskem, em comunicado. “A aquisição busca garantir a segurança e a confiabilidade das operações industriais no Polo, em linha com a estratégia da Braskem de reforço de sua operação petroquímica.”

A Braskem é uma empresa controlada pelo grupo Odebrecht, que tem 38,3% do seu capital social.

polo_industrial

Perfil

A Cetrel iniciou suas operações em 1978 junto com o polo petroquímico de Camaçari. A companhia era um dos ativos da Odebrecht Ambiental, empresa vendida no ano passado ao grupo canadense Brookfield.

A Cetrel, no entanto, ficou de fora do negócio e fazia parte da Odebrecht Utilities, uma empresa do grupo Odebrecht, até ser vendida à Braskem.

Além da Braskem, a Cetrel atende outras empresas no polo petroquímico com tratamento de esgoto, distribuição de água e outros serviços de monitoramento ambiental.

A operação foi aprovada nesta sexta-feira pelo conselho de administração da Braskem. O negócio ainda precisa ser aprovado em assembleia geral de acionistas da Braskem, segundo comunicado da empresa.

Sobre a Braskem

Fonte: http://g1.globo.com/