NOTÍCIAS

Banco de dados de água potável: coloque seu código postal e descubra o que tem sua água

O que há em sua água potável? Se você está se perguntando se a sua água é segura ou apenas o que é esse cheiro estranho, uma nova ferramenta que pode ajudar agora está disponível.

agua-potavel

 

O Grupo de Trabalho Ambiental (EWG) lançou o seu novo banco de dados de água em julho. O banco de dados é pesquisável e permite que os usuários dos EUA insiram seu código postal para saber o que está na água da sua torneira. O EWG é um grupo de advocacia independente com sede em Washington focado em questões de saúde pública e ambientais.

O banco de dados contém resultados de testes da Agência de Proteção Ambiental (EPA) sobre água potável de 2010 a 2015, que inclui testes em água de cerca de 50.000 locais em todos os 50 estados. Além disso, o EWG incorporou resultados de testes de água feito por agências estatais.

Total

No total, os testes encontraram cerca de 270 contaminantes na água potável em todo o país. Oito dos contaminantes, incluindo arsênico e chumbo, foram relatados em todos os 50 estados.

Os níveis de contaminantes na água potável são regulados pela Lei Federal de Água Potável Segura ou sob regulamentos estaduais, e, de fato, o EWG constatou que a “grande maioria” de serviços de água atendia a esses regulamentos.

Mas em muitos casos, os níveis de contaminantes que os regulamentos governamentais permitem são mais elevados do que o que a pesquisa atual sugere que é seguro, diz o EWG. O novo banco de dados fornece informações sobre os regulamentos governamentais para contaminantes na água, bem como recomendações dos últimos estudos científicos.

Arsênio

Por exemplo, o limite da EPA para o arsênio na água é de 100 partes por bilhão (ppb). No entanto, o Office of Environmental Health Hazard Assessment sugere que um limite mais seguro seria de 4 partes por trilhão.

Para outros contaminantes, não existem padrões federais específicos, diz o EWG. No caso do cromo-6 (que é uma forma do elemento cromo), por exemplo, o governo olha apenas os níveis globais de cromo, e nem todos os tipos são prejudiciais. O cromo-6 foi associado a tumores em estudos com animais e também pode estar relacionado ao aumento do risco de câncer de estômago em trabalhadores expostos ao composto, diz o EWG. O cromo-3, por outro lado, é “na maior parte inofensivo”.

O cromo-6 foi um dos contaminantes encontrados na água potável em todos os 50 estados, de acordo com o banco de dados.

Para reduzir os níveis de contaminantes na água potável, o EWG recomenda que as pessoas usem um filtro de água. Como parte do banco de dados, o EWG também oferece recomendações sobre diferentes tipos de filtros de água. O banco de dados pode ser encontrado aqui.

Traduzido e adaptado de Live Science.

Por:

Fonte: Climatologia Geográfica