BIBLIOTECA

Tratamento biológico utilizando chorume de resíduos industriais perigosos

A geração dos resíduos industriais se transformou em um dos maiores problemas da atualidade. A quantidade e variedade de materiais descartados tornam cada vez mais complexo o seu gerenciamento. Entretanto, a utilização desse método de disposição está atrelada a potenciais impactos ambientais – geração de chorume. Ele contém elevadas concentrações de compostos orgânicos, inorgânicos e nitrogênio amoniacal. É fundamental a identificação de alternativas tecnológicas para unidades de tratamento de chorume que compatibilizem custos baixos, eficiência de tratamento e atendimento aos padrões sanitários operados no país. Para tratá-lo, recorre-se a processos aplicados na adaptação e condicionamento microbiológico ao efluente, a fim de melhorar o desempenho de um posterior tratamento biológico. Utilizou-se lodo proveniente da Estação de Tratamento de Efluentes de um curtume e chorume do Aterro de Resíduos Industriais, ambos localizados na Região do Vale dos Sinos, RS. Utilizou-se 20% de lodo biológico sob o volume total. Nos ensaios executados sob a agitação de 20 rpm, no Jar Test, realizou-se monitoramento das variáveis de controle (pH, temperatura, oxigênio dissolvido) e de resposta (sólidos totais, carbono orgânico total). Os resultados definiram a condição ótima e uma eficiência de 65% de remoção de material orgânico para a etapa de tratamento biológico, bem como, o crescimento de flocos com presença de filamentos.

Leia o artigo completo: Tratamento biológico utilizando chorume de resíduos industriais perigosos