Notícias

Adi Systems no controle internacional da re-infestação das moscas-varejeiras

Publicado em 06/06/2017 às 10:00:09

LOCAL: REPÚBLICA DO PANAMÁ • SECTOR: INDÚSTRIA QUÍMICA E FARMACÊUTICA

adi

O Cliente:

A Commission for the Eradication and Prevention of Screwworm (COPEG), criado por um acordo de cooperação entre a República do Panamá e os Estados Unidos da América, protege o Panamá e o resto dos países da América Central e do Norte da re-infestação das moscas-varejeiras.

As moscas-varejeiras são uma espécie de mosca que se alimenta do tecido vivo de animais, causando lesões ou mesmo a morte. Em 2006, o Panamá foi declarado livre de moscas-varejeiras e a província de Darién foi identificado como Barreira de Prevenção Biológica Permanente para este inseto. O conceito da barreira permite o aparecimento ocasional de casos, sem afetar todo o país.

As Necessidades do Cliente:

A infecção de moscas-varejeiras pode ser gerenciada através do desenvolvimento de cepas machos estéreis, de moscas-varejeiras do novo mundo. O objetivo da COPEG é desenvolve-las — sem prejudicar o meio ambiente. As águas residuais da produção de moscas estéreis tem uma concentração extremamente elevada de nitrogênio total Kjeldahl (NTK), que precisa ser tratada com a tecnologia de tratamento de águas residuais certa.

A ADI Systems trabalhou com a COPEG para estabelecer o seu primeiro sistema de tratamento de águas residuais para a fábrica de produção ‘greenfield’. A COPEG agora queria atualizar o seu sistema de tratamento de águas residuais.

A Solução:

A ADI Systems mais uma vez associou-se à COPEG para abordar as suas novas necessidades no tratamento de águas residuais. O novo projeto envolvia modificar e atualizar o sistema para adicionar um terceiro reator sequencial (ADI-SBR) aos dois SBRs existentes. O terceiro SBR era necessário para as condições de produção de pico (mais de 50 milhões de pupas por semana), mas também serve como um digestor de lodo aeróbio/espessante para períodos de baixa produção.

Para o projeto, a ADI Systems forneceu equipamentos, engenharia e serviços técnicos, incluindo arranque do processo e treinamento dos operadores. O sistema foi projetado para tratar 11.600 mg/l de demanda química de oxigênio (DQO), 6.900 mg/l de demanda bioquímica de oxigênio (DBO) e 7.400 mg/l de sólidos suspensos totais (SST).

Os Resultados:

O ampliado sistema SBR permite à fábrica da COPEG produzir até 100 milhões de pupas de moscas estéreis por semana e continuar a respeitar os limites de descarga de efluentes panamenho de 60 mg/l de DBO e 50 mg/l SST. As possíveis variações e combinações de eventos com os SBRs permitem a remoção de sólidos em suspensão, carbono orgânico, nitrogênio amoniacal e fósforo total.

adi-2

Um computador/controlador de processo é usado para coordenar o sequenciamento de eventos e ambientes para tratar os efluentes em batelada. Vinculando o controlador lógico programável (CLP), o processo é facilmente monitorado e controlado no local pelo pessoal da fábrica e, se necessário, os ciclos de eventos podem ser alterados em resposta a mudanças nas condições. Os decantadores nos SBRs não têm peças mecânicas móveis, reduzindo significativamente as preocupações de manutenção.

Quando a produção é inferior a 50 milhões de pupas por semana, o novo SBR irá diminuir a produção de lodo residual em 30-50 por cento. Ele engrossa o lodo residual a aproximadamente 1,5-2,5% concentração de sólidos, garantindo que o lodo é bem estabilizado antes da sua aplicação no solo.

A ADI Systems tem o prazer de trabalhar com a COPEG novamente como parte desta missão internacional para controlar a re-infestação da mosca-verejeira.

 Conheça a ADI Systems: Clique AQUI


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *