BIBLIOTECA

Análise da execução do ensaio de verificação de estanqueidade para redes de distribuição de água em polietileno

Resumo

As redes de distribuição, adutoras e linhas de esgoto em polietileno (PEAD), após a sua instalação, são testadas através do ensaio de verificação de estanqueidade, como uma garantia da correta montagem do sistema. O trabalho teve como objetivo avaliar, através de visitas de campo, a execução do ensaio de estanqueidade como fonte de informação para a execução da revisão da Norma Técnica Sabesp – NTS 190. As visitas reforçaram a importância da correta execução das seis etapas obrigatórias do ensaio para a prevenção da ocorrência de perdas no sistema de abastecimento de água. Das três visitas realizadas, somente em uma foi possível acompanhar o ensaio completo, nas outras duas, os ensaios foram reprovados logo na segunda etapa. As possíveis causas apontam para falhas na vedação das válvulas ou falhas nas conexões soldadas e mecânicas.

Introdução

Após a instalação de tubulações de redes de distribuição, adutoras e linhas de esgoto em polietileno (PEAD), o ensaio de verificação de estanqueidade é etapa obrigatória. O ensaio tem como principal objetivo avaliar a correta montagem de toda a estrutura da rede, ou seja, tubo e singularidades (uniões, conexões, registros, válvulas, etc.), como um sistema, proporcionando a acomodação da tubulação embaixo da terra.

Atualmente, esse procedimento é normatizado. No Brasil, a norma que faz referência ao assunto é a NBR 15952: sistemas para redes de distribuição e adução de água e transporte de esgotos sob pressão – verificação da estanqueidade hidrostática em tubulações de polietileno (ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, 2011) e, internacionalmente, existe a ASTM F2164: Standard Practice for Field Leak Testing of Polyethylene (PE) and Crosslinked Polyethylene (PEX) Pressure Piping Systems Using Hydrostatic Pressure (AMERICAN SOCIETY FOR TESTING AND MATERIALS, 2018).

A Companhia de Saneamento do Estado de São Paulo – Sabesp possui uma série de normas próprias e, dentre elas, a Norma Técnica Sabesp (NTS) 190: instalação de redes de distribuição, adutoras e linhas de esgoto pressurizadas em polietileno PE 80 ou PE 100 (SABESP, 2019) descreve no Anexo E a metodologia do ensaio de verificação de estanqueidade. Essa NTS teve sua revisão iniciada recentemente em 2018 e foi concluída em fevereiro de 2019.

A pesquisa teve como objetivo avaliar, através de visitas de campo, a execução do ensaio de estanqueidade em trechos da rede de distribuição de água da Sabesp como fonte de informação para a execução da revisão da NTS 190, tendo como foco: (1) as etapas do ensaio; (2) as análises das aprovações e reprovações; e (3) as prováveis causas de reprovações.

Autores: Samuel Soares Muniz; Allan Saddi Arnesen e Ricardo Gonçalves.