Biblioteca

Conversão da energia das ondas para a dessalinização da água por osmose reversa com produção de salmoura

Publicado em 15/02/2021 às 10:50:14

Introdução

A fim de converter o potencial energético das ondas marinhas em outras formas de energia, o conceito de um dispositivo capaz de aproveitar o movimento oscilatório das ondas é utilizado neste estudo para suprir a demanda energética de uma planta de osmose reversa.

A partir da demanda de aumento da produtividade de uma salina, surge a possibilidade de alinhar a utilização do dispositivo em questão para fazer osmose reversa e, a partir do produto salobro, atender o interesse comercial da salina. Sendo assim, o rejeito salobro advindo da osmose reversa e até então tratado como rejeito, ganha potencial valor comercial. Além disso, surge uma diretriz para substituir a energia elétrica como fonte motriz da operação de uma planta de dessalinização por um dispositivo que não demanda energia elétrica para realização do mesmo processo, onde a eletricidade pode representar até 50% dos custos operacionais.

Vale frisar que o objetivo do estudo em questão é abordar a viabilidade energética do sistema como um todo, discutindo possibilidades do layout da planta e definindo alguns parâmetros de operação que seriam utilizados na planta de dessalinização. Desta forma, não faz parte dos objetivos deste trabalho avaliar o funcionamento estrutural do sistema em questão, tampouco projetar o dispositivo de conversão, muito menos dos equipamentos de osmose reversa.

Autor: João Felipe do Nascimento Batista.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *